segunda-feira, 25 de março de 2013

Vereador Prisco, líder da greve da PM, visita Jacobina

(Reportagem de Solon Cruz) - O programa Rota 1310, da Rádio Jaraguar AM, entrevistou no sábado(23), o vereador Marco Prisco (PSDB), um dos protagonistas da greve da Polícia Militar da Bahia em 2001, ocasião em que a PM suspendeu completamente as atividades, reivindicando melhores condições de trabalho e melhores salários. Por conta da repercussão ocasionada pelo episódio e pela tentativa de aquartelamento na sede do 8º BPM/São Joaquim, ele foi demitido em nove de janeiro de 2002 e, com a exoneração, iniciou uma campanha junto a outros membros da categoria para a readmissão. Coordenador da Associação dos Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia (Aspra), ele iniciou a carreira militar no ano de 1999, quando ingressou na Polícia.
Durante a entrevista, entre outros assuntos, Soldado Prisco, o quarto vereador mais bem votado de Salvador nas últimas eleições com 14.820, criticou a "teimosia" do governador Jaques Wagner em não cumprir as decisões judiciais que determinam sua reintegração ao quadro da Polícia Militar. Segundo ele, o governo não cumpriu com o plano de carreira da categoria, não paga insalubridade, e apesar de a Bahia ter o maior PIB do Nordeste paga para a polícia um dos piores salários do País.

Vereador Prisco durante visita à Rádio Jaraguar AM de Jacobina
Em relação à violência no Estado, Soldado Prisco disse que a Bahia vive um caos na segurança pública. "Já enviamos várias propostas ao Governo do Estado propondo melhorias no modelo de segurança que está falido", alfinetou. De acordo com ele, a Polícia Militar baiana possui hoje apenas 5 mil coletes balísticos para um efetivo de 32 mil homens. "Também há carência de viaturas, de equipamentos e, principalmente, de armamentos", destacou. Na opinião dele, a polícia baiana não está preparada para combater satisfatoriamente o crime organizado. "Infelizmente", lamentou. "O Corpo de Bombeiros está sucateado e seu efetivo é de apenas 3 mil homens, quando deveria ser de 19 mil", disparou.
Aspra - Soldado Prisco se reuniu na sexta-feira(22) com policiais da 24a Compnahia Independente de Polícia Militar para tratar da implantação de uma diretoria da Aspra em Jacobina. Fonte Notícia Livre